Mudanças Quânticas

Novas verdades surgem com os estudos e pesquisas realizadas por cientistas e estudiosos da física quântica. A partir destas novas descobertas – verdades inovadoras – tudo o que conhecemos deverá ser mudado, transformado. Novos conceitos aparecem e se referem principalmente ao ser humano: sua consciência e a sua força mental – o poder da sua mente. É algo que mexe e movimenta tudo o que existe não só no planeta, como também, na energia Universal.

Nós somos um corpo físico, material? Será que somos matéria ou como observadores nós vemos a matéria? Sabemos que tudo é formado por pura energia. Qual o quantum de energia é necessário para formar os corpos, a materialidade física? Descobertas importantíssimas no mundo da física quântica nos dão conta de que existem, hoje, novas revelações: mudaremos nossa maneira de pensar, sentir e ver. Acontecerá uma nova revolução mental, pois em tudo existe um inter-relacionamento. A física quântica está nos oferendo e abrindo novas janelas para compreendermos e termos uma nova visão de nós mesmos e do espaço/tempo no qual vivemos.

Somos energias ambulantes, nossas mentes são subprodutos de forças muito poderosas que nos condicionaram a sermos o que elas querem que sejamos, isso, sem dar-nos a chance de questionar aquilo que nos é imposto.

Há um poder oculto que se impõe e organiza nossa matéria e nossas mentes, através dos alimentos, remédios, lavagens cerebrais realizadas pela mídia em geral. Querem que sejamos seus títeres, seus trabalhadores, escravizam nosso corpo e a nossa mente para que esqueçamos quem realmente somos e não tenhamos a força necessária para proceder conforme os ditames de nossa consciência, seguindo naquilo que seria o ideal e o menos desgastante para nossas vidas.
Com a passagem dos dias, meses, anos, mais e mais perdemos nossa interação com a energia cósmica, com a força Universal, isto nos deixa cada vez mais a mercê do lixo cultural e moral que é jogado sobre a humanidade em geral. Faz-se importante e urgente sairmos dessa alienação que está infestando todo o ser humano.

Estamos indo rumo a um individualismo tamanho que como consequência, também nos transforma em autômatos. Com o passar das décadas, ditames cartesianos e newtonianos, lentamente foram se infiltrando nas mentes humanas, levando-as a uma mudança muito intensa em relação ao “Ser” e em relação à sua Consciência. Atualmente todos estão centrados somente no “EU“, numa cultura egocêntrica e exagerada na qual predomina o puro individualismo. O homem foi e está sendo transformado num robô consumista, materialista, frio e intangível consciencialmente. Está estagnado como uma máquina inativa, defeituosa, onde nada mais consegue criar, porque de tão esgotado que está, esqueceu da sua consciência e da sua herança cósmica de que nós somos deuses criadores..
Sua vida, sua consciência tornaram-se irrelevantes porque o poder vigente o quer como um terráqueo não humano, como uma máquina não pensante, que trabalhe a favor do poder estabelecido no planeta Terra. E, como joguetes nas mãos de forças tão poderosas perdemos o controle de nós mesmos, de nossos atos e ações.

A maioria de nós, homens e mulheres, pouco sabe sobre o poder que está latente em nossas mentes, em nossos neurônios, em nossa alma. Jamais se submeteriam ou se deixariam levar por essas forças retrogradas se conhecessem suas habilidades. Esse controle é arquitetado para nos manter atrelados a um sistema escravocrata.

A terra está repleta se seres, uns até normais, com suas mentes seguras e firmes naquilo que desejam e se propõem a realizar; outros quase mortos ou já mortos em suas atitudes e ações, estão ambulantes robotizados, que perdidos não mais sabem o que buscam para suas vidas porque não mais possuem consciência de quem são. Seres que, massificados pelo poder dominante, mídia em geral, foram perdendo sua identidade e suas referencias, entregam-se hoje a intolerância e a agressividade, porque no individualismo em que se encontram não mais sabem dialogar, conversar ou mesmo discutir e emitir suas opiniões. Suas consciências perderam a conexão suprema da divindade que são.
Com a ajuda de voluntários, de parceiros vindos de espaços superiores, talvez o ser humano, perdido dentro de seu superego, ainda consiga num esforço maior, voltar a ser aquele ser humano com todas suas habilidades despertas, com todo seu potencial energético e divino, recebido ao ser criado.
É buscando novos conhecimentos que teremos uma nova visão de realidades nunca antes conhecidas e vistas. Escrituras secretas, conhecimentos ocultos sempre foram vedados e limitados à população. Não poderíamos saber tudo, nem conhecer todas as verdades, não poderíamos ter o poder que esse conhecimento traria, senão, como o poder vigente nos comandaria, nos dirigiriam e nos manteriam sob seu jugo controlador?

Como desvendar esses mistérios ocultos, como sair desses paradigmas e do marasmo no qual a maioria se encontra? Fácil não é. Porém, com um pouco de esforço tudo é possível. Começar a nos observar, a nos interiorizar, tirar os véus que impedem que vejamos muitas verdades que já estão sendo mostradas de várias formas, de maneiras mil. É descascando a cebola – camada por camada – elas são as que encobrem e vedam a nossa alma de ver com profundidade quem realmente somos. É dissolvendo as ilusões às quais estamos atrelados, eliminando nossos apegos à materialidade de tudo aquilo que temos. É necessário buscar e ver a nossa luz interior, para assim despertarmos a nossa percepção, a nossa divindade, sentiremos então o quão especiais nós somos.

Lembrar que as forças escuras, negativas não conseguem se aproximar da Luz – elas estão presentes no nosso dia-a-dia, tentando sempre nos envolver na escuridão na qual querem que permaneçamos – porém, nós temos o poder de dissolvê-las e afastá-las de nossa vida. Aqueles que levarem em seu coração o Amor, a solidariedade, o apreço, a alegria beneficiarão a si próprios, bem como a todos os que passarem pelo seu caminho. Cada homem ou mulher deve se esforçar para “ser uma Luz“, assim ajudará a iluminar os caminhos daqueles que se encontram perdidos, abandonados, sem ter um rumo certo em suas vidas.

Podemos ser uma energia potencializadora ou não – forte ou fraca – tudo depende da nossa maneira de ser e de agir. Tudo será de acordo como passamos a ver essas novas mudanças, essas transformações e como as aceitamos e de como passamos a nos ver diante dessas novas realidades.

Como partículas energéticas, agimos dentro da densidade e da materialidade, fisicamente. Porém como energias em ondas nós nos superamos e passamos a agir dentro de algo mais sublime: dentro do amor, da doação, dentro de uma maior interação afetiva e solidária, naquilo que existe dentro do coração do ser humano que ainda está “vivo”. É preciso sempre estarmos alertas e vigilantes diante das coisas negativas que nos cercam.

Tudo é amalgamado em nossas vidas, vivências passadas e futuras. O presente, diríamos que inexiste, pois o que foi pensado neste momento já se encontra no passado.
Parar uns minutos para ir ao nosso próprio encontro é imprescindível. Encontrar o “elo“ cósmico, energético que se perdeu para podermos voltar a verdadeira realidade. Buscar novamente a nossa consciência, porque na confusão mental na qual a humanidade está andando, a própria consciência fica inerte, e hoje, em muitos, está como um fantasma dentro de um corpo que se deteriora mental, física e moralmente, caminhando sem perspectivas para o final da caminhada. Deverá acontecer um reconectar com as energias Universais/cósmicas para que possamos transitar do mundo físico para o mundo quântico sem fundir nossos neurônios.

Conectando-nos e aceitando as mudanças faremos ou acontecerá, então, a transposição para outros mundos paralelos, outras dimensões superiores e assim poderemos participar de informações nunca antes conhecidas ou imaginadas pelos seres humanos deste pequeno universo chamado: planeta Terra.

Publicado por: Celedina Consuela Muxfeldt

Celedina Consuela Muxfeldt
Advogada, Pesquisadora de Ciência Lilarial do Dakila Pesquisas, Palestrante e Instrutora de temas conectados com o despertar da consciência cósmica e mantenedora do Portal2.org.br.

Interaja conosco. Comente abaixo