O Amor, as Memórias e o Tempo

Letra:

A entrega da Alma nas mãos frágeis de uma criança.
O pulsar acelerado do coração por um sorriso delicado.
Os medos dissipados pelas folhas que bailam ao vento.
A ousadia de buscar alegrias em cada forma-pensamento.

O amor redesenha as memórias e o tempo
realinha as estruturas moleculares
acondiciona secretamente o ato de sentir
abre janelas, libertando o ato de sorrir.

A entrega dos sonhos nas mãos hábeis de um homem.
A intensidade das trocas intensas de carinhos delicados.
Os minutos perdem o significado na tridimensionalidade.
Os gestos são conduzidos com intensa naturalidade.

O amor redesenha as memórias e o tempo
realinha as estruturas moleculares
acondiciona secretamente o ato de sentir
abre janelas, libertando o ato de sorrir.

A entrega dos medos nas mãos hábeis de um Anjo.
A ruptura dos limites humanos e dos corpos físicos.
A dualidade na unidade e os segredos revelados.
A leveza absoluta de corações apaixonados.

O amor redesenha as memórias e o tempo
realinha as estruturas moleculares
acondiciona secretamente o ato de sentir
abre janelas, libertando o ato de sorrir.

Autor: Gildásio de Andrade Starling

View Fullscreen

Publicado por: Gildásio Starling

Gildásio Starling
Administrador de Empresas com Pós-graduação em Administração Financeira e Investimentos, Pesquisador de Ciência Lilarial do Dakila Pesquisas.

Interaja conosco. Comente abaixo